Connect with us

Famosos

Padre chama Bolsonaro de bandido e declara: “Quem votou nele devia pedir perdão a Deus”

Claudio Augusto

Publicado há

em

O padre Edson Adélio Tagliaferro, que atua na Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores, em Artur Nogueira, no interior de São Paulo, decidiu se posicionar contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) durante seu sermão na missa deste domingo (05/07).

Ademais, Edson criticou a forma de trabalho do presidente nas ações contra o coronavírus: “Um país que já chegou a 60 mil mortos pela pandemia, e não temos um ministro da Saúde. Vocês querem que eu fale o quê? Aquilo que todos falam, ‘ah, ele não trabalha porque não deixam ele trabalhar’. Não! É porque ele não presta. Bolsonaro não vale nada!”, disparou o padre.

Leia mais: Paola Carosella debocha de Bolsonaro e afirma o que cozinharia para ele: “Pudim de laranja”

Em seguida ele disse que Bolsonaro é bandido e disse que quem votou nele deveria se confessar a Deus: “E quem votou nele devia se confessar, pedir perdão a Deus pelo pecado que cometeu, porque elegeu um bandido para pôr de presidente”, concluiu.

Por fim, o padre disse que não teme ameaças e se inspirou no Evangelho do dia, que fala sobre coragem para se posicionar e mudar as coisas: “Não quero sofrer represália nenhuma, não é essa a minha intenção de jeito nenhum. Só que a verdade é a verdade, e, como disse Jesus, proclamem sobre os telhados aquilo que é verdadeiro. Não tenho medo. Coragem, disse Jesus no Evangelho de hoje. Coragem! Isso é difícil, sim. É muito difícil, mas nós precisamos acordar e nos despertar para aquilo que está acontecendo no nosso país, a destruição do nosso povo, que vai aos postos de saúde e são destratados. É uma pena que estejamos nesta situação. Não precisaríamos disso, mas não é fácil, nós sabemos disso”, encerrou o Edson. Veja o vídeo abaixo.

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

2 Comments

2 Comments

  1. Avatar

    lamartine caires dos santos

    5 de julho de 2020 at 17:29

    EDSON ADELIO (ADELIO) VEJA A QUEPONTO CHEGAMOS UM PADRE UMA CARNE PODRE IGUAL AMINHA E A TUA MANDANDO QUNOS QUE VOLTAMOS EBOLSONARO E VAMOS VOLTAR NOVAMENTE SE CONFESSAR E PEDIR PERDAO A DEUS, SOU EVANGELICO E A CADA DIA OUÇO COISAS ABSURDAS VINDAS DE PESSOAS QUE SE DIZEM PREGAR O EVANGELHO, ESSE PADRE COM CERTEZA DEVE SER ELEITOR DO HOMEM MAIS HONESTO DO MUNDO O LULA O DEFENSOR DA FAMILIA E DAS BOAS CONDUTAS, E SIMPLESMENTE INACEITAVEL A FALA DESTE CIDADAO, QUE DESVIA A SUA CONDUTA POR TRAS DE UMA BATINA

  2. Avatar

    Ledio Mondardo

    5 de julho de 2020 at 20:27

    Esse padre ele tá assistindo muito a Globo lixo quem tem que pedir perdão a Deus é ele mesmo comunista do araque… se não consegue decidir as coisas materiais como ele quer conduzir um povo espiritual Acho melhor tirar batna casar-se e viver a vida trabalhando com suor do seu rosto

Deixe uma resposta

⚡EM ALTA