Connect with us

Famosos

Roger Moreira compartilha texto que pergunta se esquema de “rachadinha” é crime

Claudio Augusto

Publicado há

em

Roger Moreira, líder da band “Ultraje a Rigor” publicou em suas redes sociais um texto que pergunta se o esquema de “rachadinha” é crime. Vale lembrar que o senador Flávio Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro, é investigado por supostamente praticar o esquema no Rio de Janeiro.

+Antonia Fontenelle critica gestão de Bolsonaro: “Presidente mais passivo da história”

Ademais, o músico colocou na legenda o título da notícia de uma site de extrema-direita: “Sobre a prática de “rachadinhas”: Existe crime?” Vale lembrar que o esquema de “rachadinha” acontece quando algum político contrata servidores e exige deles o desvio de parte de seus salários.

Geralmente, essa ação está ligada a pessoas que estão desesperadas procurando emprego e aceitam dar parte de seus rendimentos para ter dinheiro. O esquema também pode funcionar com a contratação de funcionários fantasmas.

A postagem de Roger virou piada entre os internautas. O jornalista André Rizek publicou um print e comentou: “Imagina! Na verdade, devia até ganhar uma medalha de honra ao mérito por isso…”. Logo em seguida, Felipe Neto compartilhou também sua opinião sobre a questão levantada por Roger Moreira: “A cara de pau é sem precedentes. A pergunta, além de ser uma canalhice, ainda vem acompanhada de um link para um site que tem inúmeros processos, o dono não dá sinal de vida e os artigos são assinados por contas fantasmas”. comentou o youtuber.

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

⚡EM ALTA