Connect with us

Famosos

Ratinho lamenta morte de Rodela: “Artista excêntrico e talentoso”

Claudio Augusto

Publicado há

em

rodela
Imagem: Reprodução

Ratinho lamentou na última quarta (02), por meio de suas redes sociais, a morte do humorista Rodela, de 66 anos, que faleceu por conta da Covid-19. “Que triste a perda desse artista excêntrico e talentoso. Rodela foi nosso parceiro de palco e fez muita gente rir. Meus sentimentos a família. Vai deixar saudades”, escreveu Ratinho.

Ademais, ainda na publicação, o apresentador do SBT publicou um vídeo em que aparece interagindo ao lado de Rodela no “Programa do Ratinho”. A brincadeira aconteceu durante o tradicional “Teste de DNA”.  Em seu número, Rodela imitou gatos miando. Enquanto isso, ele fazia suas caretas engraçadas.

Morte de Rodela

Rodela, humorista conhecido por atuar no “Programa do Ratinho“, morreu nesta quarta (02). Luiz Carlos Ribeiro, nome real de Rodela, tinha 66 anos e estava internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) no Hospital Geral de Guarulhos com pneumonia e Covid-19.

Ademais, a informação foi confirmada por Murilo Bordoni, diretor de palco de Ratinho no SBT. “Ele estava bem, a mulher dele falou que os médicos retirariam a medicação. Quando o levaram para uma sessão de hemodiálise, não aguentou e teve três paradas cardíacas”, revelou Murilo em contato com o NaTelinha.

Rodela foi internado há duas semanas após sentir cansaço. Contudo, no dia 24 de novembro, seu estado piorou e ele precisou ser entubado. O diagnóstico foi de pneumonia e coronavírus. As doenças chegaram a comprometer 95% dos pulmões. Além disso, o humorista tinha pressão alta. Ele até teve melhora nos últimos dias. Contudo, não resistiu.

Além do “Programa do Ratinho”, no SBT, Rodela participou de vários programas de auditório, como Show de Calouros, do SBT, o Leão Livre, da Record, e, Ratinho Livre, da Record. Sua marca registrada eram as caretas que divertiam o público.

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

⚡EM ALTA