Notícias

Pedro Bial detona Jair Bolsonaro na Globo: “Acéfalo e desgovernante”

O jornalista Pedro Bial detonou o presidente Jair Bolsonaro no início do “Conversa com Bial” da última quarta (16), na Globo. Ademais, o assunto principal do programa era sobre a volta à aulas durante a pandemia da Covid-19 e Bial não poupou o mandatário de predicados ruins.

“Na pandemia desse 2020 nefasto, o Brasil se destacou. Desde o início, nosso desgovernante tentou negar a gravidade da crise, seguiu inventando remédios milagrosos, sabotou ministros da saúde e educação. Deu os piores exemplos”, iniciou Bial.

Leia mais > Silvio Santos fez exigência para receber Bolsonaro em casa; veja qual

O apresentador nem citou o nome de Bolsonaro. Até mesmo o classificou de ‘inominável’ e acéfalo’: Sem máscara e sem noção, ele causou aglomeração. O inominável contribuiu de forma decisiva para que mais gente morresse. Agora se supera, delirante, ao desprezar a única solução: a vacina. Como disse o próprio acéfalo que hoje ocupa o Palácio do Planalto: morrer todo mundo vai morrer mesmo. Pior quem tem uma vida pela frente”, criticou.

Por fim, Pedro Bial criticou as flexibilizações do isolamento: “A geração das crianças do corona ficará marcada para sempre. Aqui no Brasil, em nome da economia, forçou-se a abertura de tudo. De salões a lotéricas. Viva os shoppings! Comprar é vida. O imperativo de reabrir as escolas? O último da fila. Sequer mencionado”, encerrou o jornalista.

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo