Connect with us

Famosos

Neymar desabafa após sofrer racismo: “Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca”

Lucas Guedes

Publicado há

em

O clássico deste domingo entre PSG e Olympique de Marselha, pelo Campeonato Frânces, ficou marcado por muita confusão. Durante a partida, Neymar revelou que sofreu ataques racistas proferidas pelo zagueiro Álvaro González. O atacante acabou sendo expulso de campo após vários conflitos dentro de campo.

Nas redes sociais, Neymar fez um desabafo dizendo que se arrepende em não ter agredido Álvaro González. “Único arrependimento que tenho é por não ter dado na cara desse babaca”, escreveu. E continuou protestando contra o árbitro de vídeo. “VAR pegar a minha “agressão” é mole … agora eu quero ver pegar a imagem do racista me chamando de “MONO HIJO DE PUTA” (macaco filha da puta)… isso eu quero ver! E aí? CARRETILHA vc me pune.. CASCUDO sou expulso… e eles? E aí ?”, desabafou.

Neymar já havia denunciado as ofensas no primeiro tempo

Antes mesmo de toda confusão que levou a sua expulsão, Neymar há havia denunciado ao quarto árbitro que estava sofrendo injúrias raciais. Em determinado momento, ele vai ao juiz e diz: “Racismo no!”. Este momento aconteceu ainda no primeiro tempo na partida.

Na segunda etapa, Neymar contou que as ofensas continuaram e ele deu um tapa na cabeça do zagueiro. A cena foi vista pelo árbitro de vídeo que determinou a expulsão do craque brasileiro.

Jornalista formado em 2019, atuando no Todo Canal para transmitir informação e entretenimento.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

Publicidade

⚡EM ALTA