Connect with us

Famosos

Luciano Huck soltou o verbo após Bolsonaro vetar vacina chinesa

Lucas Guedes

Publicado há

em

Luciano Huck e Bolsonaro

Após Bolsonaro vetar o uso da vacina chinesa CoronaVac no Brasil, Luciano Huck usou as redes sociais para desabafar e soltar o verbo contra o presidente. O apresentador lamentou as brigas políticas e disse que a luta contra o vírus deveria ser classificada como prioridade.

“Quem não quer ver todos nós protegidos contra a Covid19? Todos vacinados e a vida voltando a ser como era antes. Vencer o vírus é prioridade agora. Brigas políticas, negacionismos, paixões ideológicas, xenofobias e afins não devem se sobrepor à ciência neste momento”, disse Luciano Huck no Twitter.

Em outro momento, Luciano Huck divulgou um vídeo para reforçar o seu pensamento. Assista abaixo.

Entenda o caso que irritou Luciano

Jair Bolsonado cancelou o protocolo de intenções de compra de 46 milhões de doses da CoronaVac. A vacina estava sendo desenvolvida pelo Instituto Butantan e pela farmacêutica chinesa Sinovac.

“Para o meu governo, qualquer vacina, antes de ser disponibilizada à população, deverá ser comprovada cientificmente pelo Ministério da Saúde e certificada pela Anvisa. O povo brasileiro não será cobaia de ninguém. Não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem. Diante do exposto, minha decisão é a de não adquirir a referida vacina”, disse Bolsonaro em rede social.

O presidente ainda seguiu: “Alerto que não compraremos vacina da China. Bem como meu governo não mantém diálogo com João Doria sobre covid-19”.

Jornalista formado em 2019, atuando no Todo Canal para transmitir informação e entretenimento.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

⚡EM ALTA