Connect with us

Famosos

Luciano Hang dispara contra Marcelo Freixo: “Quando quiser trabalhar me procura”

Lucas Guedes

Publicado há

em

Recentemente, o deputado federal Marcelo Freixo (Psol-RJ) criticou a inauguração de uma loja da Havan em Belém, acusando o empresário Luciano Hang de não seguir as normas de segurança da OMS contra a Covid-19, dizendo que ele estaria cometendo um crime contra a saúde pública.

O ‘véio da Havan’ não gostou da declaração do deputado e fez questão de usar as redes sociais para criticar os discursos pregados pela esquerda política. “Marcelo Freixo, gente como você não engana mais ninguém. A esquerda vive de discursos ‘bonitos’ no papel, mas na prática que é bom não fazem nada. Dizem defender a minoria e a pobreza, mas provocam a miséria e prejudicam os mais fracos”, escreveu.

Na sequência, Luciano Hang seguiu atacando Marcelo Freixo. “Chega de mimimi e politicamente correto. Quantos empregos você gera, Freixo? Quantas pessoas e famílias você ajuda de verdade? Discurso decorado e frases prontas não transformam uma sociedade. O que muda um país é qualidade de vida, oportunidade, emprego, desenvolvimento. O Brasil é uma nação de povo trabalhador e merece muito mais. As pessoas já sabem a verdade e vão mostrá-la nas urnas. O seu tempo e o da sua turma já acabou”, disparou.

Leia também: Luciano Hang responde Rachel Sheherazade e sugere que ela vá trabalhar em Cuba

O empresário ainda fez outra publicação anteriormente exaltando os empregos que vem gerando e acusou o deputado de não gostar de trabalho. “Freixo, você é da turma do fique em casa. Não gosta de trabalhar e odeia quem gosta. Não parei um dia sequer nestes 9 meses, não demitimos, não paramos de abrir lojas e temos mais 5 para inaugurar até o final do ano. Geração de empregos é o melhor programa social. Cuidado, a inveja quando não mata, aleija. Ah, quando quiser trabalhar me procure, vai que tem uma vaga disponível para primeiro emprego. Só que aqui vai ter que trabalhar. Aqui ninguém fica sem fazer nada. Abraços do Véio da Havan”, rebateu.

Em tempo, Marcelo Freixo voltou a responder Luciano Hang. “Deixa eu te falar uma coisa. Comecei a trabalhar com 15 anos. Entregando propaganda na rua. Aos 18 fui bancário. Depois fui trabalhar como funcionário de uma escola. Em seguida, comecei a dar aula. Fiquei 20 anos em sala de aula. Lave sua boca imunda antes de falar sobre trabalho. Não fiz fortuna explorando as pessoas. Quem é você para falar comigo sobre trabalho. Você não respeita a vida das pessoas, se tornou um ser patético diante de um ditador. Acha que pode ser irônico diante de uma pandemia? Olhe para as imagens de inauguração da sua loja? Se sente bem? Você perdeu o mínimo de humanidade, só pensa em lucro, exploração e poder. No fundo, deve ser melancólico se resumir a isso. Desejo melhoras”, disparou.

Jornalista formado em 2019, atuando no Todo Canal para transmitir informação e entretenimento.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

⚡EM ALTA