Cinema

Filme “Invocação Do Mal 3 – A Ordem do Demônio” tem a melhor estreia desde a reabertura dos cinemas

Longa faturou R$ 8.6 milhões no fim de semana de estreia

O filme “Invocação do Mal 3 – A Ordem do Demônio” estreou nos cinemas brasileiros no dia 3 de junho e já foi assistido por mais de 468 mil brasileiros. No final de semana de seu lançamento, de quinta à domingo, o longa faturou R$ 8,6 milhões em bilheteria, se tornando a melhor estreia desde a reabertura dos cinemas no Brasil.

Assim como os outros filmes da franquia, o longa é baseado em um caso real dos arquivos do casal de demonologistas Ed e Lorraine Warren. Na trama, acompanhamos os acontecimentos que sucedem a possessão de David Glatzel e, posteriormente, Arne Johnson, que culminam no primeiro julgamento por assassinato cuja defesa do réu alega possessão demoníaca para comprovar sua inocência nos Estados Unidos.

Além de Patrick Wilson e Vera Farmiga, que voltam às telonas interpretando o casal protagonista, o elenco conta, ainda, com Ruairi O’Connor, Sarah Catherine Hook e Julian Hilliard, sob a direção de Michael Chaves.

O filme continua em cartaz nos cinemas brasileiros, para conferir a disponibilidade em sua região. Por conta das medidas preventivas contra a Covid-19, algumas regiões ainda seguem com as salas fechadas.

+ Filme “Velozes & Furiosos 9” ganha novo trailer

Mais informações sobre Invocação do Mal 3 – A Ordem do Demônio

Esse é o sétimo filme do universo Invocação do Mal, a maior franquia de terror da história, que arrecadou mais de US $ 1,8 bilhão em todo o mundo. Inclui os dois primeiros filmes de Invocação do Mal, bem como “Annabelle” e “Annabelle: A Criação do Mal”, “A Freira” e “Annabelle 3 – De Volta Para Casa”.

Confira o trailer do novo:

Leandro

Leandro Mendonça é o nosso Editor Chefe. Formado em Administração pela Faculdade Latino Americana de Educação (FLATED). Teve passagem pelo RD1 Audiência, e atualmente também colabora no site NaTelinha, contribuindo com otimização SEO.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo