Televisão

Datena revela que pretende se aposentar da TV e conta o motivo

Jornalista expressou desejo de parar de trabalhar

José Luiz Datena fez um desabafo durante o “Brasil Urgente” da última terça-feira (08) e disse que quer se aposentar da TV. O jornalista fez a afirmação após elogiar o trabalho de um repórter do Rio de Janeiro. Ele entrou ao vivo e o apresentador exaltou os profissionais jovens.

“Na nossa equipe todos os repórteres são de primeira qualidade. É a melhor equipe de repórteres com gente nova que a Band está revelando e alguns já com uma certa idade, como o locutor que vos fala, que já já vai parar com isso tudo. Já estou cansado. Mas tem muita gente boa e que a Band está revelando, graças a Deus, gente de primeira linha e primeira qualidade”, afirmou. A afirmação aconteceu um dia depois de Datena contar que o filho caçula foi internado com Covid-19. Confira o momento no vídeo abaixo às 02h00.

Datena desabafa sobre filho com Covid-19

José Luiz Datena revelou durante o “Brasil Urgente” da tarde da última segunda-feira (07) que um de seus filhos está internado com Covid-19. Segundo apuração do site NaTelinha, trata-se do caçula José Luiz Datena Junior. Abatido, o comunicador lamentou a situação em uma conversa com Cátia Fonseca.

“Meu filho está internado lá no Sírio Libanês, mas não é um problema meu, é um problema do Brasil. O país tem quase 500 mil mortes e esses caras dando esses (maus) exemplos. Qual objetivo de ter Copa América aqui com tanta gente morrendo, com tanta gente internada? Eu, por exemplo, estou preocupado agora com meu filho no hospital, mas não sou só eu. Sabe quantos milhões de brasileiros foram contaminados? 17 milhões”, lamentou o jornalista.

Em seguida, Cátia perguntou sobre o estado de saúde do filho de Datena, e o apresentador contou que ele não é dos melhores. “Não está bem. Espero que ele melhore. Espero que grande parte da população brasileira acometida pela Covid tome cuidado e receba o melhor cuidado possível. Claro que meu filho está em um hospital de primeira qualidade, tem muita gente que não têm acesso a isso. Por essas pessoas eu rezo muito para que elas estejam bem”, desejou.

“Eu queria ter ficado em casa porque no hospital não dá pra você entrar. Eu não vou quebrar a regra, mas não estou com muita cabeça pra trabalhar não”, completou Datena.

Claudio Augusto

Jornalista formado pela UFG (Universidade Federal de Goiás), com passagem pela Rádio Universitária (UFG) e TV Anhanguera de Goiânia.

Veja também

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo